WellCareMedicalCentre.com

Medicina Alternativa

Introdução - Homeopatia - Acupuntura - Prana - Acupressure - Terapia Floral e aromaterapia - Fitoterapia - Magnetic

Introdução

a medicina alternativa emergiu nos últimos anos como uma das questões hot, dividindo os pacientes em duas facções: os que acreditam nas propriedades curativas técnicas alternativas e que considera-os ineficazes ou até mesmo fraudulenta.
Mas o que é referido quando se trata de medicina alternativa? O termo é usado frequentemente significar esses tratamentos (um exemplo: acupuntura) que vão além das práticas médicas padrão: a medicina oficial deixou uma grande margem para o , caracterizada medicinas alternativas de terapêutica, mais ou menos inconscientemente, de ' efeito placebo , porque em muitos casos seu valor terapêutico real não foi confirmado pela pesquisa científica. Quando então uma terapia "alternativa" é eficaz num ensaio clínico, ele é assimilado na prática da medicina tradicional e reconhecido como "eficaz".

Homeopatia

L ' homeopatia , fundada pelo alemão Samuel Hahnemann (1755-1843), é talvez o tratamento mais popular alternativa no Ocidente.
para curar uma doença ou uma doença, a homeopatia envolve tomar pequenas doses de uma substância que, quando tomado em grandes quantidades, provoca em 'o corpo mesmos sintomas que você quer eliminar é o princípio da afins curantur similibus (semelhante cura o semelhante), ou o similaridade, que a ingestão de doses mínimas de uma substância nociva deve estimular as defesas naturais' organismo.
na prática homeopática é usual utilizar os assim chamados diluições centesimal , genericamente indicado com a abreviatura CH (um grama de substância dissolvida em 100 ml de água representa a primeira diluição centesimal, ou 1CH, uma centese grama de grama sempre em 100 ml constitui 2CH e assim por diante); em diluições entra em jogo a chamada teoria da "memória da água", segundo a qual a água em que o remédio homeopático é diluído conservas, graças ao succussions (Ou dinamizações). Realizada durante a preparação, a "memória" da substância
Estudos sobre o tema têm, no entanto, descobriu que as substâncias, sendo quase sempre demasiado diluída, eles perdem tudo eficácia (quimicamente não há qualquer vestígio de suas moléculas) e que a "memória da água" não tem fundamento científico
A homeopatia, nos raros casos em que tem efeitos positivos, então atua através . efeito placebo .

Acupuntura

L ' acupuntura é uma prática terapêutica . baseado na estimulação de determinados pontos da superfície do corpo por meio de instrumentos cortantes
acupuntura envolve a inserção de pinos em correspondência com pontos de pressão presente no corpo do paciente, vai harmonizar, tais como interruptores que abrem e fecham, o "Circulação Energia" do nosso organismo.
As agulhas penetrantes na epiderme directamente estimular as fibras nervosas grandes que, graças a "células porta ", bloquear a transmissão da dor através de complexos mecanismos nervosos e vasomotores.
na China, a acupuntura (Zhen atrás) tem sido praticada há mais de 5.000 anos e foi a primeira técnica terapêutica de Medicina tradicional chinesa a ser introduzida na Europa ( século XVII).
no mundo da China antiga, acreditava-se que, em nossa própria energia vital fluiu ao longo de trezecanal (erroneamente traduzido por missionários ocidentais e viajantes com a palavra meridianos ) que dividem o corpo humano em um mapa anatômico.
O organismo humano reproduz em si mesmo todo o universo regulado, de acordo com a antiga cosmogonia, por duas forças antagônicas e em equilíbrio: o yang é a energia masculina, que se refere ao funcionamento, tenacidade, calor, dia, luz, ciclo solar, clima seco; o gênios é a energia feminina, que responde à inatividade, na recepção, no frio, à noite, para o ciclo lunar, a escuridão, o clima úmido.
Dependendo se em um organismo prevalecer um ou outro dos dois princípios energéticos, não é uma doença que em última instância pode ser definida como um desequilíbrio de forças.
medicina chinesa acredita que através da aplicação de alguns instrumentos agressivos, tais como agulhas, você pode dispersar excesso de energia ou tonificar e promover a energia lamenta a ausência.
acupuntura parece ser eficaz especialmente no tratamento de dor, embora estudos científicos produziram resultados conflitantes sobre a sua utilidade real.
o recente reconhecimento de ' Organização Mundial da Saúde tem promovido a inserção da acupuntura na medicina clássica, de acordo com os métodos da anatomia, fisiologia e patologia do contemporâneo.

Pranotherapy

O Prano Terapia deve o seu nome à palavra sânscrita "prana", que significa energia vital e é, no campo da medicina alternativa, uma das disciplinas mais antigas.
Pranotherapy não usa drogas ou ferramentas especiais (como agulhas ou ímãs), mas baseia-se unicamente em ' imposição de mãos pelo terapeuta.
de acordo com os defensores dessa prática, o terapeuta seria capaz de sentir as alterações de um campo não identificado" energia "do paciente - mais conhecido como aura -. e intervir nele trazendo benefício para o doente
o terapeuta é, de acordo com esta teoria, uma pessoa com maior do que a energia média, pode corrigir com a sua "fluido" o fracasso da pessoa doente, a assistida deslocando algum do seu quociente de energia.
Embora pranotherapy agora possuem uma longa tradição e é uma prática adotada até mesmo em alguns hospitais públicos, nãonenhum teste válido que permite afirmar eficácia superior ao terapêutica ' efeito placebo .

Acupressure

O acupressão é uma técnica de massagem oriental antiga que envolve pressão do dedo em determinados pontos do corpo para reequilibrar a energia vital e tratar distúrbios físicos e psicológicos (que é amplamente utilizado no tratamento da dor e estresse).
acupuntura é baseada nos mesmos princípios de ' acupuntura, mas usando pressão do dedo em vez de agulhas. Assim como na acupuntura, cada ponto corresponde a um órgão específico.
Ao estimular com a pressão manual pontos de energia lugares ao longo das rotas dos meridianos, ativa e fortalece a circulação de energia vital presente no organismo humano.
aqui as fases de acupressão:

  • identificar os pontos do corpo em que exercer a massagem;
  • para determinar a quantidade de força necessária para a pressão a ser adotada;
  • pressione com o dedo do polegar ou índice durante alguns segundos sem causar dor, mantendo a pressão ou impressionar as pequenas oscilações ou rotações dedo no sentido horário.

acupressão não requer a intervenção de um especialista e é freqüentemente realizada como auto-medicação.

terapia floral e aromaterapia

o floriterapia é o ramo da medicina biológica que usa essências naturais preparados a partir de flores e plantas silvestres
o estudo de propriedades curativas das flores -. d existente iVerse tradições médicas -. foi realizado nos anos 20 e 30 pelo médico Welsh Edward Bach
Tratamento de Bach Flores é a administração ao paciente de essências florais capaz de física e psicologicamente reequilibrar o indivíduo, a não ser considerado como um indivíduo, mas como parte de um "todo cósmico." A doença surgiria onde a conexão de nossa personalidade com o campo de energia cósmica falha.
Cada uma das flores de Bach (um total de 38) incorporaria um certo conceito espiritual. A planta adaptada ao cuidado dos vários casos restauraria então o fluxo da energia cósmica e traria o estado mental em um quadro positivo, levando à cura.
A terapia consiste em tomar essências de flores, maceradas ao sol ou . fervida, diluiu-se em uma mistura de água e de aguardente (utilizado como um conservante)
Esta teoria, sendo carácter metafísico, obviamente, não pode ser julgado cientificamente: não existem experiências que permitem observar a eficácia da terapia de Bach flores além do efeito placebo.
L ' aromaterapia prevê óleos perfumados e essências sobre o corpo do paciente, que iria desfrutar os efeitos benéficos causados ​​pelo cheiro e pela ação tópica das substâncias
Os óleos são extraídos de diferentes partes das plantas (folhas, flores, casca, raízes, galhos, sementes, bagas).
A utilidade terapêutica tem sido verificada no tratamento de ansiedade , dos distúrbios bi de sono e em terapia de dor . Este utilitário não é, no entanto, devido ao aroma dos óleos, mas suas propriedades químicas.

Herbal Medicine

O fitoterapia é uma prática terapêutica que faz uso de medicamentos cuja substância activa é composta exclusivamente de uma preparação vegetal. As substâncias activas de plantas distinguem-se por ser de misturas complexas de compostos químicos ( phytocomplexes ) a soma dos quais exerce uma acção diferente da de cada um dos componentes individuais que as constituem.
O preparações plantas precederam, na história da medicina, drogas modernas e, como estas, agem sobre os processos bioquímicos do organismo.
De todas as estruturas químicas básicas conhecidas até agora como biologicamente ativas % é de origem natural (somente 15% vem da síntese química de laboratório) e 27% é de origem vegetal.
Por exemplo, ácido acetilsalicílico deriva da salicina de salgueiro, digoxina é o ingrediente activo de digital e mefloquina é derivada do quinino febre (Cinchona officinalis)
a extracção de ingredientes activos a partir de plantas -. que são recolhidos no período conveniente da estação (tempo balsâmico) - requer mergulhadores e etapas de processamento. A mais simples delas é esmagadora , frequentemente precedida ou seguida por secagem . Entre os procedimentos de trabalho mencionam-se também a maceração ou a percolação com uma mistura de água e álcool (as soluções obtidas desta forma são conhecidas como tinturas mãe ).
A destilação é um processo usado para separar os ingredientes ativos úteis dos materiais inúteis de uma planta. Mais comumente, extração a vapor é usada, o que permite extrair os princípios ativos da planta quando estes são compostos químicos voláteis. O produto dessas operações é chamado drogas (do alemão trocken, que significa "seco") e, portanto, consiste de uma planta ou de uma certa parte de uma planta (folha, flor, raiz, fruta, etc) colhidos e sujeitos a certos processos.
as drogas podem ser usadas para preparar os infusões administrados como um pó ou incluídos em comprimidos e cápsulas, opcionalmente em conjunto com excipientes adequados.

Magnetoterapia

A magnetoterapia explora a aplicação da força magnética no corpo humano.
Pode ser aplicada de diferentes maneiras: com ímãs guardados no lugar do paciente ou jóias, com entrada de água magnetizado; ou através de impulsos eletromagnéticos gerados por dispositivos apropriados.
A magnetoterapia atuaria no nível celular, melhorando as funções das células através de um aumento da vascularização e oxigenação: os iões, influenciados por ondas magnéticas, riequilibrerebbero a permeabilidade da membrana celular
As aplicações terapêuticas são múltiplas, especialmente em todas as patologias em que é exigido. maior regeneração dos tecidos: distúrbios articulares e inflamatórios; trauma; lesões ulcerativas; doenças reumáticas
A terapia magnética também promove ação anti-stress e fortalecer as defesas do organismo
A história da terapia magnética é muito antiga e remonta aos egípcios e gregos:.. um dos precursores da terapia magnética pode lembrar Paracelsus, disseminação no Ocidente o uso terapêutico do ímã.
Atualmente, a terapia magnética moderna é reconhecido nacionalmente como uma terapia na área de homeopatia e naturopatia.

Veja Também